O AMOLADOR

FOTO-REPORTAGEM | 31.01.2014

31012014-img_3353

O Amolador, conhecido por afiar facas, tesouras e objectos cortantes, representa hoje em dia, um ofício em vias de extinção…
Como em quase tudo o que nos liga ao passado, as aparições dos Amoladores é algo cada vez mais raro nos dias de hoje, sendo por isso, motivo de nostalgia e revivalismo.
Este trabalho de fotografia visa preservar e documentar uma arte e um ofício cada vez mais desconhecido nas novas gerações…
O “António” (nome fictício), transporta consigo um ofício que vem de família… Neste dia, às 9h da manhã,  já levava 10 km percorridos a pé, calmamente, pelas ruas de Santo António dos Olivais em Coimbra.
A sua presença fazia-se anunciar nos arredores através de sopro melódico de sua “flauta de pã”… Uma viagem solitária, feita apenas na companhia de uma bicicleta tosca e velha, artilhada de um sistema ainda mais arcaico (uma pedra de amolar e uma velha maleta de madeira onde guarda as ferramentas do ofício). Um trabalho que faz por gosto mas que actualmente só faz conforme a sua vontade e disponibilidade…Os fregueses são cada vez menos e o trabalho escassa”…
São outros tempos…